Home / Destaque / Monitor da Violência: Bahia é 3º estado com maior nº de pessoas mortas pela polícia no 1º semestre

Monitor da Violência: Bahia é 3º estado com maior nº de pessoas mortas pela polícia no 1º semestre

As vítimas da violência em apenas uma semana no Brasil

Foto: Editoria de Arte / G1

No primeiro semestre deste ano 350 pessoas já tinham sido assassinadas pela polícia, colocando o estado como o 3º no ranking de países com a maior quantidade de pessoas mortas pela polícia e o 4º com o maior número de policiais assassinados. O estado fica atrás apenas do Rio de Janeiro, com 885 mortes, e de São Paulo, com 426 vítimas. Os dados, divulgados nesta segunda-feira (14), são do Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Segundo um cálculo de taxa considerada para cada 100 mil
habitantes do estado, a Bahia fica em 5º lugar, com 2,4 mortes. O estado é
precedido por Amapá (7,7); Rio de Janeiro (5,1); Pará (3,7) e Sergipe (2,6).

No entanto, comparando os dados com o mesmo período de 2018,
a Bahia teve uma redução de 15% nas mortes causadas por policiais.

Segundo o G1, um dos maiores números de letalidade com
relação ao número de policiais mortos também ficam com a Bahia, com um total de
6 para o período. O estado fica atrás do Pará (35); Rio de Janeiro (19) e São
Paulo (16). Com relação aos números registrados no mesmo período do ano
passado, a Bahia registrou queda de 40%.

O Monitor da Violência aponta que, por todo o país, o número
de vítimas em confronto com a polícia cresceu 4,3% nos seis primeiros meses do
ano. Já o índice de mortes violentas no Brasil, teve queda de 22% no 1º
semestre.

O G1 fez contato com a Secretaria de Segurança Pública da
Bahia (SSP-BA) para conhecer as medidas para diminuir a letalidade da polícia e
reduzir o número de policiais mortos no estado, bem como o posicionamento da
secretaria em relação ao levantamento.

Por meio de nota, a SSP respondeu apenas que “a polícia
sempre responderá proporcionalmente e dentro da lei às ações de
criminosos”. A secretaria disse ainda que em casos com ausência de
confronto, os policiais envolvidos são indiciados criminalmente por homicídio,
além de responderem internamente a processos administrativos.

O post Monitor da Violência: Bahia é 3º estado com maior nº de pessoas mortas pela polícia no 1º semestre apareceu primeiro em Mídia 4P.

Fonte: midia4p.cartacapital.com.br

Faça aqui seu Comentário

Veja Também

Virtual candidato em Ilhéus, Bebeto Galvão dispara contra prefeito: saúde municipal está um desastre

Possível pré-candidato a prefeito de Ilhéus, o senador suplente Bebeto Galvão (PSB) disparou contra a ...

ILHÉUS: GAROTA DENUNCIA TER SIDO ESPANCADA NA FRENTE DO FILHO PELO SOBRINHO DO PREFEITO MARÃO (PSD), LUCAS ALEXANDRE QUE ESTÁ FORAGIDO.

Jovem teve perna fraturada e hematomas em várias partes do corpo, como rosto, barriga, costelas, ...

TJ-BA nega recurso do Estado e mantém linhas de ônibus com São Luiz e Falcão Real

O presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), Gesilvaldo Britto, negou recurso ao Estado ...

Advogado pede ‘intervenção’ do MP no turbulento caso de grilagens no Oeste da Bahia

O caso de grilagens de terra no Oeste da Bahia segue no centro de sucessivas ...

Contra o Vitória, técnico do Operário quer deixar ‘boa impressão’ para os torcedores

Operário e Vitória se enfrentam nesta terça-feira (19), pela 37ª rodada da Série B do ...

Bombeiro baiano é destaque em Campeonato Brasileiro de Salvamento Aquático

O cabo Magno Cássio Cardoso Caldas, do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, foi destaque ...

Elenco de ‘His Dark Materials’ vem ao Brasil para a CCXP 2019

Após Netflix e Warner Bros. chegou a vez da HBO anunciar algumas de suas estrelas ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *